quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Baseado em fatos reais (texto)

Trabalho de produção textual na faculdade.
Escrito por Lucas Cardozo com a ajuda de Gabriel Henrique e Lucas Chevi.

Baseado em fatos reais

Primeiramente quero deixar claro que não uso drogas e não gosto de fazer apologia a elas. Drogas fazem mal a saúde, mas isso todo mundo já sabe, é clichê, é ultrapassado, mas infelizmente é real porém ignorado. Mas vamos ao que interessa!

A professora passou um trabalho onde o aluno deveria escrever uma crônica (é o que estou fazendo aqui). Inicialmente, era apenas para quem não fez o trabalho anterior, que era sobre paródia e intertextualidade, mas acabou que, mesmo para quem fez, o trabalho ficou válido. Não pense que eu vou ganhar mais pontos,já que não fiz o trabalho de intertextualidade, só o de paródia. Falando em paródia, soou uma falta de criatividade, onde parodiei uma música de Little Richards, também cantada por Elvis Presley, chamada Tutti Frutti. O assunto, pasmem, foi sobre criar uma paródia relacionada a português, em proveito da aula em questão. Me perdoe Elvis e Little por estragar a música fazendo trocadilhos que nem o Carlos Alberto de Nobrega aguentaria. A propósito, Carzalbé, me contrata.Não invoquei nenhum "prassódia". Mas enfim, vamos ao que interessa. De novo? Com licença, pensei que a crônica era minha. Fui até perguntar para a professora como se escrevia "licença". Maldita internet!

Sentado na carteira, na universidade, penso no que dizer na crônica, enquanto escrevo sobre o que pensar em escrever na crônica. Falta de criatividade? Acredite, não, pior que a paródia não fica. Observo as pessoas ao redor. A professora disse que, (espera que alguém passou na minha frente), [prosseguindo], podíamos ir para fora da sala observar o que acontece ao nosso redor para nos inspirar para a crônica.
Enquanto a professora fala sobre o caso do rato na Coca-Cola, termino essa crônica totalmente baseada (sem drogas) em fatos reais. Não reclame do sentido desta crônica, afinal "fatos reais" é um grande pleonasmo, não? Achou o final feio, o problema é meu, seu também, mas sou eu que estou escrevendo, então quem manda nessa crônica sou eu. Por Aslam e por Nárnia!

Nenhum comentário:

Sobre Mim

Minha foto
Duque de Caxias, Rio de Janeiro, Brazil
Em 2008 criei um blog por experiência. Queria saber como era um blog. Inicialmente era apenas para reunir o que eu achava de legal pela internet. Dois anos depois, em 2010, criei meu blog com críticas de filmes, já que, embora eu não seja experiente nesse ramo, gosto de ver filmes, de entendê-los e tal. Em 2014 vieram as mudanças. O blog que reunia o melhor da internet virou um blog de matérias e histórias que eu mesmo escrevo. O blog que continha críticas de filmes, séries, curtas, shows, etc, agora são apenas filmes e séries devido a enorme demanda de conteúdo. Os modos de escrita também estão mudando para melhor. Fiquem ligados para novidades.